07 junho 2007

Verdadeiro Ou Apenas Nominal?

"aquele que diz estar nele, também deve andar como ele andou" (1 João 2:6).

Um fenômeno interessante tem acontecido em nossa sociedade. Existe grande interesse na salvação mas pouco interesse na vida cristã. A frequência aos cultos de final de semana é excelente. Existem mais homens, mulheres e crianças comparecendo aos templos nos finais de semana do que em qualquer outra época de nossa história. Porém, os padrões morais são cada vez piores.
Muitos dos que vão, hoje, aos cultos são adúlteros, alcoólatras, viciados que apostam todo o salário, praticantes de aborto e até os que abusam de crianças. Qual o problema atual? Em uma recente classe bíblica, o professor pode ter nos dado a resposta para o que está acontecendo. Ele declarou: "As pessoas, hoje, desejam muito mais 'ganhar a salvação' do que 'comportar-se como salvos.'" Ele se referiu a este conflito como "justificação versus santificação.".
O que tem tocado, verdadeiramente, os nossos corações? Estamos satisfeitos por frequentar uma igreja, sermos cumprimentados como irmãos e ter uma carteira de membro de uma entidade religiosa, ou o nosso propósito é viver como Cristo nos ensinou a viver, para ter uma vida que glorifica o nome do Senhor, que brilha mesmo diante das trevas que assolam o mundo e que serve de testemunho para a salvação também de outros? Temos estado conscientes de que um verdadeiro cristão precisa ter um comportamento diferente na sociedade, mostrar que a velha natureza, carnal e pecadora, tem que ser deixada para trás e que deve apresentar frutos de transformação e vida santa?
Se temos o hábito de ir aos cultos, cantar belos hinos, orar com eloquência, mas continuamos praticando os mesmos pecados da velha vida, em vez de estarmos caminhando com Cristo para a salvação, servimos de pedra de tropeço para os que estão ao nosso redor e, além de perdidos, estamos conduzindo muitos à perdição.
E você, conforma-se em ser membro de uma igreja ou está buscando ser uma bênção na obra de Deus?
Pr. Paulo Roberto Barbosa

Nenhum comentário: